terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Bandeirão do Sampaio Corrêa – 18 de Agosto de 1974


O bandeirão do Sampaio aparece nos grandes jogos. Andou guardada muito tempo e quando reapareceu no jogo contra o Fortaleza, que marcada o reinício das atividades do time, acabou rasgada pelo vento. Foi ai que o diretor Biló Murad teve que ajudar a galera para a confecção de uma nova bandeira.

A bandeira da foto foi hasteada no clássico com o Moto há muito custo por uma torcida entusiasta e que vibrava tanto quanto a própria bandeira na tarde de vento forte de domingo. No fim ela acabou guardada para tristeza da mesma torcida, que cheia de esperanças a fez tremular durante noventa minutos o pavilhão do clube na esperança de uma vitória que não conseguem há dois anos.

Perdendo ou ganhando, o bandeirão voltará ao estádio, principalmente nos dias de grandes clássicos como o ocorrido no dia 18 de Setembro contra  próprio Moto, representando sempre a esperança de uma torcida que está com o grito da vitória atravessada na garganta.

 FICHA DO JOGO

Sampaio Corrêa 1x2 Moto Club
Data:
18 de Agosto de 1974
Local: Estádio Nhozinho Santos
Público: 11.628 pagantes
Juiz: Lercílio Estrela
Bandeirinhas: Wilson de Moraes Wanlume e José Salgado
Gols: Paraíba aos 18, Lucas aos 21 e Soares aos 40 minutos do segundo tempo
Sampaio Corrêa: Nei;  Maneco, Valdimir, Almir e Benazzi; Faisca, Djalma Campos e Edmilson Leite; Lucas, Adelino (Fernando Carlos) e Itamar. Técnico: Raulino Medeiros
Moto Club: Edson; Ivan, Gojoba, Esteves e Nestor; França, Soares e Santana; Lima, Paraíba e Coelho. Técnico: Marçal Tolentino Serra

Nenhum comentário:

Postar um comentário